LiveZilla Live Chat Software

Relatos Eróticos

Aconteceu na Sala vermelha

Inner Club

agosto 13th, 2014

0 Comentários

Dia 30 estivemos pela segunda vez na Casa.
Era a Noite das sem Calcinhas, a Festa estava maravilhosamente excitante, cheia de mulheres e casais gostosos que nos abordavam constantemente.
A razão disso, era que a minha esposa Mary, de vestidinho fino curtinho e bem colado ao seu delicioso corpo, estava mesmo chamando muito a atenção tanto dos homens quanto das mulheres.

Mas na realidade, o que a gente estava mesmo desejando, era uma aventura de menage com algum homem que conseguisse seduzir a Mary, para que ela finalmente se libera-se, a assim, realizar o meu maior sonho que é ver minha querida esposa transando e gozando com outro homem bem na minha presença.

Pois bem, chegamos na Casa pelas 23 horas, tomamos uma bebida e logo fomos andar pelas áreas reservadas. A Casa já estava bem cheia, e por todos os lugares em que passávamos tinham casais transando. A Mary foi abordada por várias mulheres, mas eu não deixava seguir em frente, pois não era bem isso que eu queria apreciar, né?

Voltamos para a Boate, a Mary dançou um pouco e vi que alguns homens já estavam comendo ela com os olhos. Aquilo já me deixou bem excitado e pensei comigo, “acho que de hoje não passa…rsss”

Voltamos lá para trás e descobrimos que a Casa estava inaugurando uma nova Sala toda vermelha, onde tinha um equipamento desses de fetiche, sado, que era um X de madeira com algumas algemas presas.

De inicio tinha somente uns casais também curiando essa nova sala. De repente, entrou um rapaz moreno claro, forte, alto e bonito, ele devia ter quase 2 metros de altura e estava só de tanguinha e de bota curta.
Logo percebi que era algum stripper contratado para apimentar aquela sala. Mas a Mary ao ver aquele homão quase nú entrar na sala ser preso com as algemas naquele aparelho, ficou quase que estasiada, pois ela estava a uma distancia de apenas alguns centimetros daquele ser sexual, e de repente, acho que passou pela cabeça dela, que aquele macho totalmente imobilizado pelas algemas ela poderia sentir o seu corpo sem que ele pudesse atacá-la.

E foi o que aconteceu, ela começou a passar a mão no peito forte daquele rapaz, passou as mãos nos bíceps musculosos dele e abraçou aquele corpão despido diferente do meu que ela estava acostumada a muitos anos. Ficou nas pontinhas dos pés e beijou-o demoradamente com lingua e tudo.
Nessa altura, minha esposa já estava molhadíssa de tesão e até se esqueceu que eu estava alí apreciando tudo…rsss.

O rapaz que estava apenas fazendo o seu trabalho também começou a ficou excitado e o pau dele começou a querer rasgar aquela tanguinha de Lycra que ele estava usando. A Mary sentiu o volume daquele membro que se erguia por causa dela e ficou mais excitada ainda, a ponto de não resistir em tira-lo para fora e segurar aquele mastro cujo tamanho ela nem imagina que existia.

Pois bem, confesso que fiquei um pouco com ciúme do desinibismo que ela teve em fazer tudo aquilo na minha frente e da excitação que ela sentiu por aquele “cavalo”. Mas a minha excitação de ver aquele cena perfeita, fez com que eu aprecia-se tudo e até desejei que aquilo tivesse acabado em uma cama, com ela nuazinha cavalgando naquele homem cavalar.

Algumas outras mulheres que também apreciavam aquela cena já começaram a reclamar que a Mary estava monopolizando o cara e elas também queriam tirar uma casquinha.

A Mary deu um beijo final daquele homem que foi dela por alguns minutos,saímos dali e fomos só nós dois direto para uma cabine e transamos como nunca, imaginando e falando um para o outro como teria sido se aquele rapaz entra-se na cabine naquele momento para terminar o que começaram. Gozamos FEITO LOUCOS…RSSS

Saímos da cabine decididos a procurar o rapaz e pegar o telefone dele, mas ele já tinha ido embora.

No dia seguinte transamos novamente em casa falando sobre a aventura e novamente gozamos muito.

Quero deixar aqui um recado para você que nos proporcionou a realização dessa aventura, que se voce também gostou dela e topar sairmos para terminar de realizar outros desejos nossos ( principalmente os dela) nosso email é: bradcasal@outlook.com

Tags:, , , , , , , , , , , , , , ,